Evita os impropérios!

Evita o envolvimento com vibrações menos dignas repetindo palavras ofensivas.
Toda vez que pronunciamos um palavrão somos os primeiros a nos violentar.
Sempre que magoamos alguém, ao usar a força das palavras que despertam emoções, geramos uma atmosfera negativa que nos circunda e nos identifica, na Terra e nos círculos espirituais, como criaturas intoxicadas a espalhar treva e perturbação.
Uma palavra de agressão torna-nos responsáveis pela desordem provocada no outro.
Se a agressão verbal é direcionada a ti, guarda silêncio.
Ouve: Somente há eco entre as montanhas que os prendem.
Esforça-te em substituir os palavrões por vocábulos de edificação, evitando os insultos a fim de que não te perturbes no futuro.
Muda uma palavra indecente por um termo nobre e verás que a simpatia será tua companheira e aqueles que de ti se aproximarem, verão o próprio Criador, brotando em expressões de luz, da tua própria boca.

(Gotas de sabedoria)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá!
O Seu comentário é muito importante para nós!
Porém, dados pessoais e pedidos com nomes e histórias não serão publicados, para não expormos ninguém. Nem sempre respondemos a todos os contatos e e-mail, mas certamente colocaremos a todos em oração.
Gratidão!