Por que ser rabugento?

Benjamin Franklin, presidente dos Estados Unidos da América, ficou certo dia a observar um operário que morava perto do palácio.
Notou que estava sempre de bom humor e que nunca deixava de dirigir uma palavra amável aos transeuntes ou aos companheiros de trabalho.
Intrigado em saber o segredo dessa boa disposição constante, apesar de grande pobreza em que ele vivia, o presidente o abordou na rua, e disse-lhe o quanto se admirava em vê-lo feliz como um príncipe.
"A causa dessa alegria é a minha mulher", respondeu o homem sem titubear.
É a melhor das criaturas; quando saio para o trabalho, ela me beija e deseja coragem, o que me põe de bom humor durante o dia todo, e a tarde me faz alegrar em revê-la. Recebe-me então com o melhor dos sorrisos; o nosso cantinho é tão agradável que por coisa alguma eu passaria a noite fora de casa. Sinto-me bem em sua companhia.
Por que ser rabugento entre tanta alegria?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá!
O Seu comentário é muito importante para nós!
Porém, dados pessoais e pedidos com nomes e histórias não serão publicados, para não expormos ninguém. Nem sempre respondemos a todos os contatos e e-mail, mas certamente colocaremos a todos em oração.
Gratidão!